FoodPorn

Maria Azeitona

fevereiro 15, 2019

Quem passa na rua Alfredo Keil na Amadora nem dá pela sua existência! Eu própria passei muitas vezes naquela rua e no dia em que decidi conhecer o Maria Azeitona fiquei pasmada quando o GPS me levou até ali!

A entrada é discreta, mas o interior goza de uma miscelânia de cores e feitios que já se tornou uma imagem de marca. Durante algum tempo esteve fechado aos domingos para descanso semanal mas para já esse "problema" acabou. E foi num dos últimos domingos que regressámos!

Um dos ex libris do Maria Azeitona são os petiscos - uma variedade brutal e uma opção ótima para partilhar. Já provámos bastantes e estão sempre no ponto 👌.

As opções do dia também são sempre tentadoras e desta última vez uma das escolhas recaiu sobre o prato do dia - Bife de vitela com presunto de Chaves, batatas às rodelas e esparregado. Diz quem o comeu que estava excelente. O bife cozinhado no ponto e esparregado - que, obviamente, quis provar - super cremoso e saboroso.


A minha escolha já é um clássico - Caril de Gambas (servido com arroz branco e fruta) - e é simplesmente divinal. Tem aquele picantezinho q.b. do caril que se vai "cortando" com o doce da fruta. Muito bom mesmo.


Ainda conseguimos fazer muitas vezes o malabarismo de pedir dois pratos e comermos os três. Mas desta vez optámos pela sugestão infantil que nos foi apresentada - um prato com bife, arroz batata e ovo estrelado. Tudo normal, aparentemente. Qual é a cena genial deste prato? O bife que - para além de super fininho e tenrinho - já vem cortadinho em tiras, mesmo pronto a comer. 

Finalizámos com os já habituais Chessecake de frutos vermelhos - adivinhem quem o escolheu 😏 - e o Maria Bolacha - que é como quem diz, o doce da casa. O primeiro é muito bom, não é demasiado doce e as lascas de amêndoa dão-lhe um toque diferente. O segundo é uma combinação perfeita de natas, bolacha e doce de ovos e este sim, é doce do princípio ao fim 😋.





Continuam a não ter disponível o pagamento por multibanco, mas a experiência gastronómica compensa largamente esse pormenor. 

Se ainda não conhecem, deviam tratar rapidamente de o fazer. Mas aviso já que arriscam demasiado se aparecerem em plena hora de almoço ou jantar sem marcação. E desenganem-se se pensam que durante a semana a coisa é mais tranquila. 


Maria Azeitona Menu, Reviews, Photos, Location and Info - Zomato

Economia

Alerta economias #9

fevereiro 12, 2019

Com a introdução do novo regime contributivo para trabalhadores independentes (TI) não mudou só a forma como são calculadas as contribuições. Mudou também o processo de pagamento.

Até aqui bastava ir à tesouraria e indicar o NISS e o mês, ou introduzi-los no multibanco e o valor aparecia automaticamente. Agora o pagamento exige um bocadinho mais de esforço da parte do contribuinte.

A partir de agora, o TI deverá aceder à sua segurança social direta e percorrer os seguintes passos:
.1. Conta-Corrente
.2. Posição atual
.3. Valores a pagar
» Aqui podem selecionar os valores que pretendem pagar (se tiverem tudo em dia, só vos aparecerá o valor referente ao mês anterior) e emitir o documento de pagamento. Podem pagar com entidade/referência no multibanco ou com nº de documento e NISS em qualquer tesouraria da SS.






ATENÇÃO: devem pagar a contribuição entre o dia 10 e o dia 20 do mês seguinte (por exemplo, a contribuição de janeiro deverá ser paga entre 10 e 20 de fevereiro). Após o dia 20 há lugar ao pagamento de juros!

Entretanto, a SS já foi também avisando por e-mail e mensagem na área de mensagens da SSDireta. 😉



Economia

Alerta economias #8

fevereiro 11, 2019

A AT tem cada vez mais "alertas" para os contribuintes - eu já recebi por sms e e-mail - mas nunca é demais lembrar!

Não se esqueçam que termina sexta-feira (dia 15/02) o prazo para comunicar/alterar o agregado familiar no Portal das Finanças ou na app "Agregado Familiar" que a AT criou para o efeito.



A comunicação é indispensável para quem, em 2018: 1) teve alterações no agregado familiar; 2) tem filhos em guarda conjunta; 3) alterou a morada do agregado familiar.

Mesmo que nada disto se tenha passado convosco, não custa nada consultar a área só para terem a certeza que está tudo ok. Um erro aqui pode fazer-vos perder vários euros na liquidação de IRS. 

»» Daqui a duas semanas (25/02) termina também uma fase importante - verificação/confirmação/introdução de faturas no portal do e-fatura. Estejam atentos!

Dúvidas? Deixa-as nos comentários.

Segue também no Instagram e Facebook.  

Ambiente

Ecodicas #2

fevereiro 06, 2019

Nos últimos tempos temos investido cada vez mais em opções #zerowaste e os champôs em barra são só uma das mudanças. No meu caso, para além da preocupação em diminuir o plástico descartável, surgem principalmente pela procura de soluções menos agressivas para o couro cabeludo.

De há uns anos a esta parte que tenho "manifestações emocionais" na cabeça/cabelo e desde que fui mãe as "crises" tornaram-se mais frequentes. Tenho o couro cabeludo extremamente sensível e com escamação frequente e desde há muito que os champôs convencionais de supermercado deixaram de fazer parte da minha vida. Numa primeira fase optei por champôs sem parabenos mas depois da primeira entrada na Lush rendi-me totalmente aos cheiros - e aos produtos - da marca.

Comecei por experimentar o champô em barra para couro cabeludo sensível mas como a oleosidade também é uma constante na minha vida acabei por adquirir também um que fosse indicado para essa condição - e lavo alternadamente com um e outro. Costumo dizer que tenho todos os dramas capilares numa cabeça só e é por isso muito difícil encontrar um produto que resolva todos em simultâneo. Até ver, esta dupla funciona lindamente 😉.
Gosto muito do atendimento que fazem em loja, sempre muito disponíveis mas a saberem dar o espaço necessário quando ainda estamos “só a ver”. As barras duram imenso tempo - a lilás já tem mais de 1 mês e a beje mais de 3 (mas atenção, têm que ficar acondicionadas num local seco para não se gastarem “sozinhas”). São super práticas e fazem bastante espuma.

Por aqui gostamos muito mais ainda não generalizámos o conceito a outros produtos por um motivo muito simples  - temos ofertas de produtos de higiene com alguma frequência e guiamo-nos pelo bom senso. Não vamos deitar fora um frasco de gel de banho novo só para comprar uma opção sem plástico, certo?! Utilizamos o que temos e quando voltar a ser necessário comprar, aí sim, escolheremos uma opção eco-friendly.

Visitem a loja e peçam ajuda! Têm imensa variedade e de certeza que vão encontrar os produtos ideias para o vosso caso. Deliciem-se com o cheirinho e façam a vossa parte na busca por um mundo mais sustentável.


À esquerda - “Jumping Juniper” - o aliado no combate contra a oleosidade.
À direita - “Soak and Float” - o ansiolítico do meu couro cabeludo

Economia

Alerta economias #7

fevereiro 04, 2019

Trabalhadores dependentes e pensionistas:

É por esta altura que começam a chegar as folhas de vencimento do mês de janeiro e é também altura de conferir se foi feita ou não a atualização da taxa de retenção de IRS.

As tabelas foram publicadas a 18 de janeiro o que pode ter feito com que alguns vencimentos tenham sido processados ainda com as percentagens do ano anterior. O acerto tem que ser feito agora no mês de fevereiro, estejam atentos! 👀 Podem consultá-las aqui

A alteração mais significativa é a dispensa de retenção até 654€ brutos (valores sobem se existirem dependentes ou casados com apenas 1 titular). Todos os salários até 3094€ brutos veem a sua taxa de retenção reduzida, em média, 0,2%, o que se traduz em ganhos entre 1€ e 12€/mês.

Se quiserem calcular o vosso vencimento líquido, o site economias.pt tem um simulador prático e eficaz aqui.